“O Twitter vai mais longe ao banir a liberdade de expressão, e hoje os funcionários do Twitter têm se coordenado com democratas e esquerdistas radicais, removendo minha conta da plataforma para silenciar a mim e vocês, 75 milhões de patriotas maravilhosos que votaram em mim”, disse Trump

Sputnik – O presidente dos EUA, Donald Trump, reagiu à decisão do Twitter de bloquear a sua conta pessoal através da página oficial de presidente.

“Vocês não podem nos silenciar!”, disse Trump em um comunicado, que foi veiculado pela Casa Branca.

A postagem também apareceu na conta oficial do presidente dos Estados Unidos, mas a rede social deletou imediatamente.

“O Twitter vai mais longe ao banir a liberdade de expressão, e hoje os funcionários do Twitter têm se coordenado com democratas e esquerdistas radicais, removendo minha conta da plataforma para silenciar a mim e vocês, 75 milhões de patriotas maravilhosos que votaram em mim”, acrescentou Trump.